Chapada dos Guimarães: Dicas Essenciais para a sua 1ª Vez

Com belíssima fauna, flora e belezas naturais, a Chapada dos Guimarães é o lugar ideal para quem busca contato com a natureza e muita aventura.

Impressionantes paredões de arenito vermelho-alaranjado são as marcas registradas da Chapada dos Guimarães, que atraem milhares de viajantes todos os anos.

A localização da Chapada dos Guimarães também é algo que facilita muito a sua visitação, ficando a apenas 80 km do aeroporto de Cuiabá.

A Chapada dos Guimarães tem ficado cada vez mais popular entre os viajantes que vão em busca dos inúmeros atrativos do local, mas antes de ir é importante planejar bem para fazer a melhor viagem possível!

Por isso separamos algumas dicas essenciais que vão te ajudar a preparar sua viagem à Chapada dos Guimarães.

#1 Como Chegar à Chapada dos Guimarães

O acesso à Chapada dos Guimarães é feito pela capital do Mato Grosso, Cuiabá, que fica a cerca de 80 km da Chapada. É em Cuiabá que fica o aeroporto mais próximo, por isso planeje o seu voo para a capital.

Você deverá seguir em direção ao pequeno município de mesmo nome, que é a porta de entrada para o Parque Nacional e é também o lugar onde ficam as principais pousadas e campings.

Para chegar lá, a maneira mais indicada é utilizando um carro, já que ele também será usado para circular entre os atrativos com mais liberdade.

Saindo de Cuiabá siga pela BR-251 e depois pela MT-020 até a Chapada.

Para quem opta por ir de ônibus, é possível escolher entre a Viação Rubi e a Expresso Chapadense que fazem o trajeto várias vezes por dia. A viagem dura cerca de 1h30.

#2 Quantos dias ficar

A Chapada dos Guimarães não é um destino para um bate-volta. São diverso atrativos e passeios que duram o dia inteiro.

A dica é se planejar para no mínimo 4 dias na chapada, mas se tiver disponibilidade de tempo e recurso vale a pena investir pelo menos 10 dias na Chapada (sem repetir passeios).

E se tiver ainda mais tempo, emendar para o Pantanal é uma boa.

#3 Quando visitar a Chapada dos Guimarães

A melhor época para visitar a Chapada dos Guimarães é na seca que vai de abril a setembro. Porém no mês de julho a outubro é a época que há maior número de queimadas naturais também.

Se você for de outubro a março é bem provável que enfrente chuvas, mas o calor é constante, deixando os banhos de cachoeira ainda mais agradáveis.

É importante também ficar atento às trombas d’água na época chuvosa, por isso não deixe de se orientar na administração do parque. 

As trombas d’água são um fenômeno decorrente do acúmulo de água na cabeceira do rio, provocando uma enchente repentina e que arrasta tudo em seu curso.

#4 Atrativos principais

Os principais atrativos da chapada ficam inseridos dentro do Parque Nacional. Lá fica a famosa Cachoeira Véu da Noiva, com 86 metros de queda.

Cachoeira Véu da Noiva | Foto Trip Advisor

Lá também fica o Morro de São Jerônimo que é um mirante natural de onde é possível ter uma visão panorâmica da chapada, a mais de 800 metros de altitude.

O Morro dos Ventos é um outro passeio que vale a pena, e lá fica o Restaurante Mirante Morro dos Ventos, com vista espetacular e conta com 2 mirantes.

Não deixe de conferir a Cidade de Pedra, que é um dos lugares mais bem preservados da Chapada dos Guimarães. A Cidade de Pedra impressiona com os paredões de arenito com até 350 metros de desnível.

Cidade de Pedra | Foto Trip Advisor

Se quiser um bom banho de cachoeira, vá a Cachoeira da Geladeira e a Cachoeira dos Marimbondos. Elas ficam próximas, então dá pra ir no mesmo dia.

Fora do Parque Nacional, não deixe de conferir a caverna Aroe Jari e a belíssima Lagoa Azul, e também a caverna Kiogo Brado.

Leia aqui nosso post com dicas do que fazer na Chapada dos Guimarães.

#5 Informações Importantes

É importante ficar ligado que, com exceção da Cachoeira Véu da Noiva, todos as visitas ao Parque Nacional devem ser agendadas e acompanhadas por guias credenciados.

O telefone do Centro de Visitantes é (65) 3301-1133.

É recomendável tomar vacina contra febre amarela 10 dias antes da viagem ao parque. A vacinação é feita de graça nos postos de saúde.

Fique ligado também ao relógio, Mato Grosso tem 1 hora a menos que Brasília.

VIAJE COM A GENTE!

Quando você faz alguma reserva de hospedagem, compra uma passagem ou qualquer produto pelo blog, ganhamos uma pequena comisssão (você não pagará nenhum centavo a mais por isso). Isso faz com que possamos manter o site no ar.

Hospedagem: AIRBNB | BOOKING

Passagens Aéreas mais baratas: MAXMILHAS | VOOPTER

Aluguel de carros: RENTCARS

Chip para internet INTERNACIONAL: EASYSIM4U

Nayandra Pereira: Tenho a alma desbravadora e sempre amei estudar a relação homem-natureza. Amo viajar e me conectar com novas pessoas, conhecimentos e culturas. Acredito que cada pessoa, através de si mesmo, pode contribuir para transformar realidades (e as viagens são ótimas desculpas para isso). Ah... tenho 26 anos, sou engenheira ambiental e mestre em recursos hídricos.