O que fazer em Belo Horizonte / Guia Casal Nômade

A capital mineira tem mais de 2 milhões de habitantes e é cercada pela Serra do Cipó, capital com jeitinho de interior que tem muita coisa interessante para fazer, fomos para Belo Horizonte a convite da Rede de Hotéis Atlântica que possui hotéis nas melhores localizações da cidade (todos os reviews dos hotéis já estão aqui no Blog).

Como chegar

Belo Horizonte é um grande centro financeiro da Região Sudeste e pode ser acessada de avião onde seu principal aeroporto é o de Confins, de carro ou de Trem (viagem deliciosa por sinal) através da Estrada de Ferro Vitória a Minas, no nosso caso fomos de avião e pagamos um valor de 50 reais de Uber do aeroporto até o Hotel Radisson Blu que fica localizado no bairro Savassi que sem dúvidas foi o que mais gostamos.

Clima de Belo Horizonte

Com temperatura média anual de 20.5 C°  em Belo Horizonte costuma chover muito mais no verão do que no inverno, sendo que em qualquer época do ano é possível aproveitar as atrações da cidade e de seus arredores.

O que fazer em Belo Horizonte

Ficamos em Belo Horizonte por 6 dias inteiros, como fomos com nosso bebê que na época estava com pouco mais de 1 ano fizemos tudo com bastante calma. Em seguida irei listar tudo que conhecemos e recomendamos que você conheça ao visitar a cidade.

Circuito Cultural Praça da Liberdade

Localizada na região da Savassi a Praça da Liberdade é um conjunto arquitetônico que abriga vários museus e o Palácio da Liberdade que é a sede do Governo Mineiro, a praça tem um lindo coreto, jardins, palmeiras que rendem lindas fotos e é onde fica o Edifício Niemeyer (projetado por Oscar Niemeyer). Dos Museus que ficam no entorno da praças nós conhecemos o Museu das Minas e do Metal e o Centro Cultural Banco do Brasil.

Museu das Minas e do Metal

Inaugurado em 2010 em parceria com a Gerdau, ele está dividido em 2 partes, no primeiro andar está localizado o Museu das Minas e no segundo e terceiro pavimento está o Museu dos Metais. A entrada é gratuita e o Museu é lindo e interativo, achei ótimo para ir com crianças porque tem muita coisa legal para ver, adoramos ver diversas pedras preciosas e ver uma pepita de ouro de pertinho.

Endereço: Praça da Liberdade, Prédio Rosa

Funcionamento:

Terça a Domingo das 12 às 18h; Quinta-feira 12 às 22h e toda última terça do mês 12 às 17h

Para ver a agenda de eventos e mais detalhes do Museu das Minas e do Metal Acesse: www.mmgerdau.org.br

Centro Cultural Banco do Brasil

Criado através de uma parceria do Banco do Brasil com o Governo o CCBB é uma construção linda que é considerada um dos cartões postais da cidade e tem uma agenda cultural bem diversa durante todo o ano além de diversas exposições, na época que fomos estava tendo uma exposição sobre a história do vídeo game, super interativa, o CCBB abriga também o Café com letras, vale a pena parar lá para tomar um café e comer um pão de queijo.

Fotografias realizadas para o projeto www.museubrasil.org, com patrocínio da Petrobras

O CCBB está entre as 100 instituições culturais mais visitadas do mundo, se for a BH não deixe de visitar!

Endereço: Praça da Liberdade, 450, Prédio Amarelo

Funcionamento:

Quarta a Segunda das 9 às 21h.

Para mais informações acesse: www.culturabancodobrasil.com.br/portal/belo-horizonte

Complexo da Pampulha

O Complexo Arquitetônico da Pampulha foi projetado por Oscar Niemeyer e em 2016 ganhou da ONU o título de Patrimônio Cultural da Humanidade. O Conjunto Arquitetônico foi construído ao redor da Lagoa da Pampulha e abriga a Igreja da Pampulha, a Casa do Baile, o Cassino (atual Museu de Arte da Pampulha), o Iate Tênis Clube, além de ter o Parque de Diversões Guanabara bem do ladinho. Um bom horário para ir é no fim da tarde, principalmente se for para fotografar.

Igrejinha da Pampulha

Esta é a Igreja de São Francisco de Assis (Igrejinha da Pampulha) essa igreja linda foi desenhada por Oscar Niemeyer e para completar a sua beleza a igreja abriga em seu interior a Via Sacra com 14 painéis de Cândido Portinari, infelizmente por estar em período de restauração a visita interna não está aberta ao público, mas vale a pena ir ver o exterior da igreja que é bem bonito.

Endereço da Igreja de São Francisco de Assis: Avenida Otacílio Negrão de Lima, 3000-Pampulha.

Museu de Arte da Pampulha

Este foi o primeiro projeto de Oscar Niemeyer para o Complexo Arquitetônico da Pampulha, o prédio é rodeado por jardins projetados por Burle Max, projetado inicialmente para ser um Cassino em 1940 e movimentou bastante a região atraindo jogadores de todo o Brasil, o Cassino foi fechado em 1946 com proibição dos jogos no Brasil.

Atualmente o lindo prédio funciona como o MAP (Museu de Arte da Pampulha) oferecendo visitas guiadas, atividades culturais e encontros de diversos artistas. A entrada é gratuita. Vale muito a pena ir no entardecer para fazer fotos na área externa do MAP.

Endereço do Museu de Arte da Pampulha: Avenida Otacílio Negrão de Lima 16585-Pampulha

Funcionamento: Terça a domingo de 9h às 18:30h

Casa do Baile

Parte do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, a Casa do Baile foi reaberta em dezembro de 2002, transformada em Centro de Referência de Urbanismo, Arquitetura e do Design, ligado à Fundação Municipal de Cultura, que, por sua vez, é ligada à Prefeitura de Belo Horizonte.
A proposta desse Centro é organizar, documentar e valorizar tanto os espaços construídos e simbólicos da cidade, quanto objetos que se tornaram referência na vida cotidiana de nossa sociedade. Para tanto, o acesso democrático às informações relativas ao urbanismo, arquitetura e design torna-se fundamental para a valorização da identidade social dos belo-horizontinos.


A Casa recebe exposições temporárias, divulga publicações, desenvolve seminários, encontros e outros eventos relacionados às áreas pertinentes ao propósito do Centro. Possui um salão de 255m2, um auditório de 53 lugares com recursos multimídia, salas de apoio administrativo, ilha digital com os acervos documentais disponíveis a pesquisadores e ao público em geral.


Endereço: Avenida Otacílio Negrão de Lima, 751, Pampulha

Funcionamento: Terça a Domingo de 9h às 18h

Além do complexo arquitetônico da Pampulha vale a pena curtir o visual da Lagoa da Pampulha, uma boa opção é pegar uma bike do Itaú ou caminhar mesmo, que foi o que fizemos.

Do ladinho do Igreja fica o Parque de Diversões Guanabara, ótima opção de diversão para quem viaja com filhos, neste parque você coloca créditos em um cartão que eles disponibilizam e utiliza nos brinquedos que escolher.

Mercado Central de Belo Horizonte

Um Mercado tão legal que se tornou um dos principais pontos turísticos de Belo Horizonte, lugar ideal para comprar artesanato, comer muito doce caseiro, queijos maravilhosos e muita comida típica! Clique aqui para saber mais sobre o Mercado Central de BH.

Instituto Inhotim

Este é aquele lugar que se você tiver 1 dia inteiro da viagem para ir, você precisa conhecer, principalmente se for apaixonado por natureza e obras de arte, o Instituto Inhotim começou a ser idealizado pelo empresário mineiro Bernardo de Mello Paz a partir de meados da década de 1980. A propriedade privada se transformou com o tempo, tornando-se um lugar singular, com um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea do mundo e uma coleção botânica que reúne espécies raras e de todos os continentes.

A entrada custa 44 reais por pessoa, e para comer lá dentro achamos o valor bem justo, o Inhotim tem ótimos cafés e restaurante com boa comida mineira a quilo.

Na nossa opinião o ideal é chegar bem cedo para poder aproveitar bastante o lugar que é enorme, em 4h só fizemos 1 dos diversos caminhos sugeridos, outra forma de fazer o passeio é pegar um dos carrinhos de golf que ficam circulando por todos os caminhos do Inhotim, o carrinho custa 28 reais por pessoa, conseguimos pagar tudo com cartão de crédito.

Para mais informações sobre como chegar e também sobre a programação cultural acesse: http://www.inhotim.org.br/

Onde Comer em Belo Horizonte

A gastronomia de BH é daquelas de dar água na boca, não faltam excelentes opções, conhecemos alguns lugares e segue aqui a lista dos que gostamos:

Pizzaria Olegário: Restaurante premiado como um dos melhores de BH, o Olegário Pátio fica no Térreo do Radisson Blu no bairro Savassi. A comida é maravilhosa! Clique aqui para ver o site do restaurante com mais detalhes.

Udon: Restaurante com Culinária Japonesa Impecável, poucas vezes na vida comemos algo tão bom! O Udon possui duas unidades em Belo Horizonte, para mais informações é só clicar aqui e acessar o site do restaurante.

Tmak: Sushi House e Temakeria, fomos só uma vez, mas voltaremos com certeza na nossa próxima visita a BH, o cardápio é super variado e os valores são muito bons, tudo muito gostoso! Clique aqui para acessar o site do restaurante com mais detalhes.

Mocca Coffe & Meals: Café super decorado, lugar ideal para bater papo com os amigos e provar um dos sanduíches ou bolos deliciosos servidos por lá, provamos de de Queijo da Canastra e tava surreal de tão bom! Você pode seguir o Mocca através do Instagram @moccacoffeebrasil.

Foto: @diegocoutophoto

Lullo Gelato: Localizado na Savassi essa gelateria ganhou nosso coração e estômago, tem opções deliciosas de gelato artesanal e a casquinha é feita na hora deixando um cheirinho delicioso no local. Clique aqui para conhecer mais sobre a Lula Gelato.

Esperamos que este artigo te incentive a explorar a capital mineira, e se ficou alguma dúvida é só comentar aqui! 

Vai para Belo Horizonte? Clique aqui para reservar seu hotel!

Nos siga no Instagram para ver nossas fotos e dicas que fazemos com muito carinho para incentivar outras pessoas a viajar!

VIAJE COM A GENTE!

Quando você faz alguma reserva de hospedagem, compra uma passagem ou qualquer produto pelo blog, ganhamos uma pequena comisssão (você não pagará nenhum centavo a mais por isso). Isso faz com que possamos manter o site no ar.

Hospedagem: AIRBNB | BOOKING

Passagens Aéreas mais baratas: MAXMILHAS | VOOPTER

Aluguel de carros: RENTCARS

Chip para internet INTERNACIONAL: EASYSIM4U

Deixe aqui o seu comentário

Comentários