O que fazer em Brumadinho, em Minas Gerais

Brumadinho, cidade interiorana de Minas Gerais, abriga muitas atrações que valem a pena a viagem!

É nessa cidade que fica localizado o maior museu de arte contemporânea a céu aberto do mundo, o Instituto Inhotim.

Brumadinho abriga também uma infinidade de atrativos de valor histórico, cultural e gastronômico de Minas Gerais.

Cidade que fica a somente 60 km de Belo Horizonte, Brumadinho esteve na rota dos Bandeirantes na era do ouro.

Além disso, Brumadinho é quase duas vezes maior em extensão que Belo Horizonte, e muitas vezes seus atrativos ficam escondidos entre um distrito e outro, passando despercebidos pelos visitantes.

E é por isso que fizemos uma seleção das atrações imperdíveis em Burmadinho, para você aproveitar o melhor da cidade quando estiver por lá.

Como Chegar

Partindo de Belo Horizonte, a distância percorrida até Brumadinho é de aproximadamente 60 quilômetros, pela rodovia Fernão Dias – BR-381.

Após o trevo para o Triângulo Mineiro, deve-se seguir rumo à saída 501, para Mário Campos.

Siga em frente e vire à direita após um posto de gasolina, feito isso você deverá pegar a estrada que leva ao Centro de Brumadinho.

O que fazer

#1 Aproveitar o visual incrível da Serra da Moeda

A Serra da Moeda é a porta de entrada de Brumadinho pela BR 040 e o visual das montanhas recebe seus visitantes da melhor forma possível.

Do alto da serra é possível ter uma visão panorâmica em 360 graus da região, que inclui até mesmo a lagoa dos ingleses.

Foto via

Para quem não abre mão do contato com a natureza, na Serra da Moeda também é possível fazer trilhas ecológicas, passeios de bike ou até mesmo saltar de parapente.

#2 Visite o Instituto Inhotim

Essa é a mais conhecida atração de Brumadinho e é também uma parada obrigatória para quem visita a cidade.

Mesmo que você seja uma daquelas pessoas que não curtem muito visitar museus, recomendamos a visita ao Inhotim.

O Inhotim é supreendente e combina um dos mais importantes acervos da arte contemporânea do Brasil com um belíssimo Jardim Botânico.

As galerias de Inhotim possuem obras assinadas por mais de 250 artistas brasileors e estrangeiros.

Entre as obras esestão pinturas, esculturas, desenhos, fotografias e vídeos.

Foto via

Então, para que você explore tudo com calma, o melhor é que você reserve 2 dias para conhecer os 140 hectares do Instituto.

#3 Faça a trilha até o Mirante Morro dos Veados

O Morro dos Veados fica no Parque Estadual da Serra do Rola Moça e é o terceiro maior parque em área urbana do Brasil.

Esse é um dos territórios verdes mais importantes do Estado de Minas Gerais e lá, a cerca de 1.400 metros de altitude fica o Mirante Morro dos Veados.

Para chegar ao mirante, é necessário fazer uma trilha considerada leve ao longo de um percurso cheio de belas surpresas.

Foto via

Ao longo do caminho você poderá contemplar a rica vegetação do parque, além de ter a chance de encontrar animais próprios do local e que estão na lista de espécies ameaçadas  como a jaguatirica, lobo-guará, o gato-do-mato, o macuco e o veado campeiro.

#4 Visite o Sítio Histórico Quilombo do Sapé

Brumadinho possui vários traços e lembranças da época da escravidão do Brasil e cidade ainda preserva as raízes da cultura afrodescendente

A região quilombola em Brumadinho, que surgiu em meados do século XVIII, é formada pelas comunidades de Marinhos, Rodrigues, Ribeirão e Sapé.

Foto via

Os visitantes podem então conhecer a sobre a cultura e as tradições da cultura afrodescendente.

Não deixe de conhecer capelas e igrejas  remanescentes que foram construídas por escravos na região e também a fábrica de cerâmica.

VIAJE COM A GENTE!

Quando você faz alguma reserva de hospedagem, compra uma passagem ou qualquer produto pelo blog, ganhamos uma pequena comisssão (você não pagará nenhum centavo a mais por isso). Isso faz com que possamos manter o site no ar.

Hospedagem: AIRBNB | BOOKING

Passagens Aéreas mais baratas: MAXMILHAS | VOOPTER

Aluguel de carros: RENTCARS

Chip para internet INTERNACIONAL: EASYSIM4U

Deixe aqui o seu comentário

Comentários