O que fazer em Diamantina, Minas Gerais

Diamantina é um verdadeiro mergulho na história! A pequena cidade mineira com ruas de pedra tem grande importância histórica e oferece vários lugares que valem a pena conhecer.

Detentora do título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco, Diamantina um charme que atraem milhares de pessoas todos os anos.

A cidade foi construída no início do século 18, em uma região super importante na exploração de diamantes, foi bastante desenvolvida na época, e hoje é uma cidade que se destaca em Minas Gerais como uma das mais belas cidades históricas para conhecer no estado.

E foi por isso que resolvemos reunir informações nesse artigo para que você saiba o que fazer em Diamantina, e aproveite o melhor da cidade.

Leia também: Roteiros de Carro por Minas Gerais.

 

Como Chegar à Diamantina

Diamantina fica a cerca de 292 km da capital mineira, Belo Horizonte, e para chegar lá, é possível fazer o trajeto de carro ou ônibus.

De carro, o trajeto mais rápido é feito pela BR-040 até a cidade de Curvelo, e depois pela BR-259. O trajeto dura em média 4 horas, de Belo Horizonte até Diamantina.

Já se você optar por ir de ônibus a Diamantina, o trecho é operado pela viação Pássaro Verde e há vários horários todos os dias. O trajeto dura em média 5 horas entre a capital e cidade.

 

#1 Museu Casa de Juscelino

Um dos prédios mais famosos de Diamantina é a Casa de Juscelino Kubitschek. A casa foi lar do ex-presidente do Brasil, onde ele morou com a mãe após o falecimento de seu pai.

A casa hoje funciona como museu e abriga vários objetos pessoais distribuídos por dois casarões que contam com painéis, móveis, fotos, instrumentos musicais e lembranças de Juscelino.

No lado de fora da casa, há também um pé de Jabuticaba, que está lá desde a infância de JK.

Endereço: R. São Francisco, 241 – Diamantina – MG, 39100-000

Funcionamento: O museu abre de terça à sábado de 8 às 17 horas e aos domingos de 8 às 13 horas.

Casa de Juscelino | Foto via

#2 Parque Estadual do Biribiri

O Parque Estadual do Biribiri, inserido no complexo da Serra do Espinhaço, é um dos lugares mais imperdíveis em Diamantina. O parque fica a menos de 3 km da cidade e é repleto de belezas naturais.

A vegetação do parque é predominantemente coberta por cerrado, matas de galeria e campos onde é possível encontrar fauna e flora únicas.

Além disso, o parque possui diversas trilhas e cachoeiras lindíssimas, como a Cachoeira dos Cristais e a Cachoeira da Sentinela, onde há belas piscinas naturais perfeitas para relaxar.

Endereço da sede administrativa: Avenida Geraldo Edson do Nascimento, nº 600 – Cidade Nova, Diamantina/MG – CEP: 39100-000

Telefone:  (38) 3531-7284 / (38) 3532-6698

Foto via TripAdvisor

 

#3 Igreja São Francisco de Assis

A Igreja São Francisco de Assis, uma das maiores importância na cidade, foi finalizada em 1830 e é de grande destaque na história da cidade.

Trazendo elementos do rococó, a Igreja de São Francisco de Assis é um dos marcos históricos da belíssima arquitetura de igrejas mineiras.

Quando estiver por lá, não esqueça de subir até as torres dos sinos e contemplar a beleza do altar.

Endereço: a igreja fica bem no centro histórico da cidade.

Telefone(31) 3132-5557
Foto via

#4 Mercado dos Tropeiros

O Mercado dos Tropeiros ( também conhecido como Mercado Velho), em Diamantina, é um dos lugares mais legais para conhecer na cidade.
O lugar que antigamente servia como um ponto de comércio de escravos, hoje abriga feirinhas de frutas e verduras, artesanato, barraquinhas com comidas típicas como feijão tropeiro, feijoada, pastel e caldo de cana e muito mais.
Além disso, é bem comum que aos sábados, o Mercado dos Tropeiros seja também palco de atrações musicais locais que oferecem entretenimento aos visitantes.

#5 Visite à Gruta de Salitre

A Gruta de Salitre é um dos atrativos naturais mais visitados de Diamantina e com certeza, você não pode perder! Ela já foi cenário de filmes, novelas, séries e até concertos musicais, devido à sua grande beleza e imponência.
O melhor é que a tração não fica distante! A apenas 9 km de distância do centro da cidade, e vale super a pena visitar! Além disso, no local é possível praticar rapel, contemplar as belezas naturais e tirar muitas fotos incríveis.
Endereço: Estrada para o Distrito de Extração 7 km de, Diamantina – MG, 39100-000
Funcionamento: o local abre de segunda à sexta de 9 às 12h com intervalo de almoço, abrindo novamente das 14 às 17:00.
Gruta do Salitre | Foto via

#6 Caminho dos Escravos

Se você gosta de trilhas e de passeios ao ar livre, o Caminho dos Escravos é imperdível para você! São cerca de 20 km de trilha demarcada saindo de Diamantina em direção a cidade de Medanha e o trajeto dura em média 7 horas.
O caminho de pedra, no passado, servia de caminho por onde os tropeiros viajavam em busca dos lugares para exploração de diamantes e outros minérios.
Quando for fazer a trilha, não esquece de levar água e lanche, já que não há estabelecimento ou vendedores ambulantes no caminho.
Apesar disso, não há motivos pra não fazer a trilha. O ar puro e a paisagem são os pontos altos desse atrativo! Aproveite!!!
Caminho dos Escravos | Foto via TripAdvisor

VIAJE COM A GENTE!

Quando você faz alguma reserva de hospedagem, compra uma passagem ou qualquer produto pelo blog, ganhamos uma pequena comisssão (você não pagará nenhum centavo a mais por isso). Isso faz com que possamos manter o site no ar.

Hospedagem: AIRBNB | BOOKING

Passagens Aéreas mais baratas: MAXMILHAS | VOOPTER

Aluguel de carros: RENTCARS

Chip para internet INTERNACIONAL: EASYSIM4U

Nayandra Pereira: Tenho a alma desbravadora e sempre amei estudar a relação homem-natureza. Amo viajar e me conectar com novas pessoas, conhecimentos e culturas. Acredito que cada pessoa, através de si mesmo, pode contribuir para transformar realidades (e as viagens são ótimas desculpas para isso). Ah... tenho 26 anos, sou engenheira ambiental e mestre em recursos hídricos.